terça-feira, abril 23

Nomes históricos do futebol mundial terão a “última dança” em copas no Catar

A Copa do Mundo ocorre a cada quatro anos e é o principal torneio de futebol do mundo. Por isso, nenhum jogador disputou mais do que cinco mundiais em toda a história. No Catar, alguns craques podem estar realizando a última participação de suas carreiras no campeonato da FIFA.

Cristiano Ronaldo

Único atleta em toda a história a marcar gols em cinco copas diferentes (2006, 2010, 2014, 2018 e 2022), é um dos recordistas de participações em mundiais e terá 41 anos na Copa do Mundo de 2026. O atacante não descarta disputar a competição, mas é impossível ter certeza de que isso ocorrerá. 

Guillermo Ochoa

Herói do México ao defender um pênalti de Lewandowski na estreia deste mundial, em 2022, terá 41 anos em 2026 e está em sua quinta Copa do Mundo. Pode chegar bem para disputar o campeonato, cuja sede será a América do Norte, mas não podemos garantir com tanta antecedência.

Lionel Messi

Outro jogador que está em sua quinta Copa do Mundo, porém foi taxativo ao garantir que está disputando o seu último mundial no Catar, aos 35 anos. Até o momento, possui sete gols na história das copas e o vice-campeonato em 2014.

Luís Suárez

Aos 35 anos, não possui mais a mesma força física, mas ainda é um grande artilheiro e um líder sem igual na seleção uruguaia. Por isso, é titular no Uruguai e buscou uma “última dança” inesquecível com a camisa celeste.

Luka Modric

Os 37 anos não pesam para um dos melhores meio-campistas do mundo. Modric liderou a Croácia para uma inédita final de Copa do Mundo, em 2018, ano no qual foi eleito melhor jogador da Copa e do planeta, mas talvez não tenha pernas para manter o nível até 2026.

Manuel Neuer

Campeão do mundo em 2014 e um revolucionário na sua posição, o goleiro alemão disputa seu quarto mundial no Catar e, ao final da competição, pode passar o bastão. Em 2026, terá 40 anos.

Neymar

Mais novo da lista, o brasileiro pode encerrar sua trajetória com a Amarelinha de maneira precoce. Para a Copa do Mundo de 2026, terá 34 anos e, se for disciplinado, poderá chegar em grande forma física. Contudo, já declarou que talvez não tenha a força mental para encarar mais um ciclo de mundial.

Robert Lewandowski

Melhor jogador do mundo em 2020, o atacante polonês não dá sinais de declínio, porém terá 38 anos na Copa de 2026 e joga em um time limitado, sem garantias de classificação para o mundial.

Sergio Busquets

Campeão do mundo com a Espanha, em 2010, o volante disputa seu último mundial aos 34 anos e já está em declínio físico, e pode deixar o Barcelona na metade de 2023 para jogar nos Estados Unidos.

Thiago Silva

Ainda jogando em altíssimo nível aos 38 anos, é o jogador mais velho a disputar uma partida de Copa do Mundo pelo Brasil e foi o capitão da equipe ao longo do mundial. 

Thomas Müller

Também foi campeão do mundo em 2014 e é o jogador em atividade com mais gols em copas, com 10 tentos marcados, porém não dá pinta de que disputará o torneio em 2026, quando estará com 37 anos.

Como chegar em alto nível na fase final da carreira?

Cada dia mais desenvolvidas, a preparação física e a medicina esportiva prolongam a carreira de muitos atletas. Além de uma rotina de alimentação, treinos e descanso bastante disciplinados, os jogadores podem utilizar equipamentos especiais e suplementos como glutamina e creatina para melhorar o desempenho das células musculares.

Share.