terça-feira, abril 23

Muitas pessoas negligenciam os cuidados com os dados do cartão e acabam sendo vítimas de golpes. Com a digitalização dos serviços bancários, é comum a utilização de aplicativos para realizar transações financeiras.

Embora esses aplicativos ofereçam praticidade e agilidade, é importante lembrar que eles também podem expor seus usuários a riscos de segurança, principalmente quando se trata da proteção dos dados bancários.

Por isso, neste artigo, vamos apresentar algumas dicas para você se proteger e se prevenir da ação de golpistas. Acompanhe a leitura!

5 cuidados com os dados do cartão que você deveria ter

Conheça a seguir 5 cinco maneiras de se precaver e evitar que você seja vítima de golpe por pessoas mal-intencionadas online.

1. Não utilize o app em Wi-Fis públicas

Evitar utilizar redes Wi-Fi públicas é uma medida importante para proteger seus dados bancários em apps ou na conta digital. Isso porque essas redes são inseguras e podem ser facilmente acessadas por hackers e golpistas.

Ou seja, suas informações financeiras podem ficar expostas a possíveis fraudes. Por isso, é importante utilizar apenas redes Wi-Fi seguras e protegidas por senhas.

2. Tenha antivírus

Ter um antivírus instalado em seu dispositivo móvel é outra forma de prevenção. O antivírus detecta e bloqueia softwares maliciosos e vírus que possam comprometer a segurança de suas informações financeiras.

Além disso, alguns antivírus possuem recursos extras, como proteção de navegação na internet e verificação de vulnerabilidades de segurança no sistema operacional. Com um antivírus atualizado, você evita que criminosos virtuais acessem suas informações bancárias e realizem operações fraudulentas.

3. Use VPN

Entre os cuidados com os dados do cartão, usar uma VPN é também uma forma de proteger suas transações online. Com essa ferramenta, todo o tráfego da internet é criptografado.

Consequentemente, as informações financeiras se tornam mais seguras e evita-se a interceptação indevida de dados. A VPN oculta seu endereço IP e localização, o que dificulta o acesso de terceiros.

4. Utilize o app oficial do banco

Os fraudadores podem criar aplicativos falsos que parecem reais, mas na verdade são armadilhas para roubar suas informações. Ao utilizar o aplicativo oficial do banco, você tem a certeza de estar em um ambiente seguro e confiável, protegendo assim suas informações financeiras e reduzindo o risco de golpes. Portanto, entre os cuidados com os dados do cartão, fique atento ao baixar o app bancário.

5. Use o app apenas no seu aparelho

Evitar usar o aplicativo do banco em aparelhos de terceiros é outra medida para proteger seus dados. Isso porque os aparelhos de outras pessoas podem estar infectados com malwares ou vírus, o que afetará a segurança das suas informações.

Outro ponto é que, ao usar o app do banco em um dispositivo que não é seu, você corre o risco de deixar suas informações salvas no aparelho de outra pessoa, o que pode trazer vulnerabilidades.

Como um cartão de crédito é clonado?

Um dos métodos mais comuns de clonagem do cartão é o skimming, que utiliza dispositivos instalados em caixas eletrônicos, terminais de pagamento ou em outros terminais acessados por cartões de crédito. Esses dispositivos são conhecidos como “chupa-cabras” e copiam as informações do cartão, como o número, a data de validade e o código de segurança, quando o usuário insere o cartão para fazer uma transação.

Para isso, os criminosos inserem um hardware acima da entrada real do cartão no caixa ou instalam uma pequena câmera para captar senhas e dados. É bom prestar atenção se há algo suspeito no caixa eletrônico antes de inserir o cartão ou informar sua senha. 

Outra forma comum é por ataques de phishing, quando os criminosos enviam emails ou criam sites que imitam o site do banco ou da operadora de cartão de crédito para obter as informações do cartão. Para se precaver, não abra e-mails suspeitos, nem clique em links contidos nesses e-mails.

Por fim, verifique se você acessou o site oficial do banco antes de inserir dados como senha ou códigos de segurança. Então, conseguimos esclarecer suas dúvidas sobre os cuidados com os dados do cartão? Agora você já sabe como se prevenir!

Share.